De quanto em quanto tempo devo ir ao oftalmologista?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

ir ao oftalmologista

A maioria das pessoas costuma ir ao médico apenas quando surge um problema. É claro que devemos procurar atendimento sempre que necessário, mas o ideal é que essas consultas sejam feitas de maneira profilática. Ou seja, mesmo quando não há nada incomodando, para que você possa ser examinado e até mesmo encontrar possíveis problemas antes do surgimento dos sintomas. Essa dica vale tanto para o oftalmologista, quanto para todas as outras especialidades médicas.

Pensando nisso, preparamos um guia com as recomendações de tempo entre uma consulta e outra. Veja agora de quanto em quanto tempo você deve ir ao oftalmologista.

Bebês e crianças pequenas

Logo após o nascimento os olhos do recém nascido são avaliados pelo pediatra que acompanhou o parto. Esse é um procedimento padrão e é ele quem dirá se há a necessidade de ir ao oftalmologista. Depois do exame do olhinho, e caso não exista a necessidade de atendimento especializado, o recomendado é que essa consulta aconteça perto do aniversário de um ano da criança.

Esse atendimento é necessário para identificar possíveis patologias que não tenham se desenvolvido e que precisam de atenção imediata. Depois disso, a consulta somente será necessária se os pais notarem algo diferente, como o branco no fundo dos olhos, ou se a criança conseguir expressar dificuldades para enxergar.

ir ao oftalmologista

Crianças em fase de alfabetização precisam ir ao oftalmologista

Como dissemos, cabe aos pais notarem se há alguma mudança no comportamento dos filhos que possa ser associada com problema de visão. Por isso, e também de forma profilática, é importante levar as crianças em fase de alfabetização ao oftalmologista. Isso porque essa é uma etapa importante e um salto de desenvolvimento escolar. É nessa época que elas passarão a demandar bastante dos olhos e podem ter dificuldades para aprenderem a ler caso não consigam enxergar corretamente.

Adolescentes e adultos devem manter a frequência de consultas

A dificuldade que temos nos casos anteriores é o fato de que as crianças não conseguem expressar corretamente quais são os sintomas que estão sentindo. Ou ainda não têm referência do que seria uma visão perfeita para saberem que a deles não está normal. Mas esse não é o caso dos adolescentes e adultos. Quando estamos maiores já é possível notar quando algo acontece e que precisa de atenção.

Nessas idades, o importante é manter uma frequência nas consultas. Ir ao oftalmologista pelo menos uma vez ao ano é a recomendação para pacientes saudáveis. Caso exista alguma condição especial, o próprio médico recomendará o tempo necessário para o retorno ao consultório. Mas vale ressaltar: caso você perceba o surgimento de algum sintoma, adiante a sua consulta para a data mais próxima possível. Em muitas situações, a velocidade do tratamento é essencial para o seu sucesso.

Ir ao oftalmologista é daquelas coisas que devemos colocar na agenda para não esquecermos jamais. A visão é um sentido muito importante e a sua perda impacta diretamente na qualidade de vida dos pacientes. Por isso, consulte o seu médico todos os anos e ao menor sinal de problemas, não hesite em marcar uma consulta emergencial. A sua saúde é o seu melhor bem.

Você costuma ir ao oftalmologista dentro da frequência recomendada? Conte nos comentários como você faz para se organizar.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×