Glaucoma tem cura?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

glaucoma tem cura

O glaucoma é uma doença ocular grave e que, por isso, deve ser tratada com muita atenção. Ela atinge pessoas com mais de 40 anos e existe uma maior incidência na população negra. Na maioria das vezes está diretamente ligada a quadros de hipertensão arterial e diabetes. Apesar de as pessoas inseridas nesse grupo terem que manter uma atenção especial à saúde dos olhos, é fundamental que toda a população fique atenta aos sintomas.

Para que você possa entender um pouco mais sobre esse quadro, preparamos um texto completo sobre essa doença. Afinal de contas, o glaucoma tem cura? Veja agora!

O que exatamente é o glaucoma?

Essa é uma doença que atinge o nervo óptico, aquele que conecta os olhos ao cérebro e que é diretamente responsável pela visão. Quando há um aumento da pressão intraocular, esse nervo e os vasos sanguíneos dos olhos começam a sofrer danos irreparáveis. Por isso é tão importante fazer o diagnóstico precoce. Nesse caso, não podemos dizer que o glaucoma tem cura, mas sim um tratamento.

Quais são os tipos diferentes de glaucoma?

Existem dois tipos de glaucoma. O primeiro deles é chamado e glaucoma de ângulo aberto e é o mais comum entre a população. O segundo tipo é chamado de glaucoma de ângulo fechado e representa o quadro mais grave entre os dois. Geralmente é tratado como uma emergência médica que precisa de cuidados imediatos. A grande diferença entre os dois tipos está nos sintomas que os pacientes experimentam.

glaucoma tem cura

Quais são os sintomas do glaucoma?

Para o glaucoma de ângulo aberto, o principal (e muitas vezes único) sintoma é a perda lenta da visão. Ou seja, ela não acontece de uma hora para a outra e por isso é difícil de ser identificada. Geralmente o paciente nota pequenas dificuldades em atividades do dia a dia. Ele somente procura um médico quando algo mais grave acontece, como a dificuldade para dirigir, por exemplo.

Já o glaucoma de ângulo fechado tem manifestações mais claras, como dores nos olhos e na cabeça, distúrbios súbitos de visão e até sintomas gastrointestinais, como náusea e vômito. Também é comum que os pacientes enxerguem halos ao redor de fontes de luz e tenham a visão distorcida. Para ambos os casos, dizer que o glaucoma tem cura é uma falácia.

O glaucoma tem cura? Como funciona o tratamento?

Dizer que o glaucoma tem cura não é o mais apropriado. Na realidade, ele tem tratamento que ajuda a desacelerar a progressão dos sintomas. O primeiro passo que o médico oftalmologista deve tomar ao identificar essa doença é entender os motivos que fizeram ela se manifestar. Por exemplo, recomendar um tratamento para o controle da pressão intraocular, da hipertensão arterial e do diabetes. Também existem tratamentos que agem diretamente nos olhos, como o uso de colírios e até mesmo a cirurgia.

Se você ouviu dizer que o glaucoma tem cura, não acredite. Essa é uma doença muito grave que provoca a perda contínua da visão e pode até mesmo cegar se não for tratada corretamente. Por isso, se você experimentar algum dos sintomas que mencionamos — perda gradual da visão, dores nos olhos e na cabeça e distorções visuais — procure um médico oftalmologista imediatamente. Quanto mais cedo o quadro for identificado, melhores são as chances do paciente.

Ficou alguma dúvida? Use a nossa caixa de comentários para fazer as suas perguntas.

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×