Como prevenir os problemas de visão que surgem na vida adulta?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

problemas de visão

Nem todos os problemas de visão surgem de maneira congênita. Muitos aparecem durante a fase adulta, então nunca é demais buscar formas de se proteger. Ao conhecer os principais fatores e ao saber como evitá-los é possível aumentar a proteção quanto à saúde ocular e garantir bons resultados.

Em muitos casos, inclusive, as doenças são irreversíveis ou sem tratamento. Então, o melhor é prevenir desde já para ter a certeza de que o sentido não será afetado com o passar dos anos.

Veja 5 formas de evitar os problemas de visão da fase adulta e aprenda a se proteger!

Tenha bons hábitos de vida

Muita gente não percebe, mas a forma como você se comporta no cotidiano influencia a sua saúde ocular. Comer mal, por exemplo, aumenta a predisposição a várias doenças, como a diabetes e a hipertensão. Por consequência, esses são fatores de risco para a retinopatia diabética e para o glaucoma, respectivamente.

Já o sedentarismo amplia as chances de obesidade, o que também contribui para o aparecimento da diabetes. Enquanto isso, o tabagismo afeta os pulmões e os nervos e eleva o risco de retinopatia.

Para evitar esses quadros, tenha uma dieta balanceada, com ingredientes naturais e a redução de industrializados. Também é recomendado se manter sempre ativo e combater vícios negativos, como em cigarro ou bebida.

Proteja os olhos dos raios UV para evitar os problemas de visão

Os raios ultravioletas são muito agressivos para as células humanas. A exposição desprotegida a esses raios gera a morte celular em várias estruturas, como na pele. Os olhos podem sofrer com o efeito e encarar consequências como a degeneração macular ou até tumores oculares.

A melhor maneira de se prevenir quanto a isso é proteger a região ocular dessa radiação. Utilize óculos escuros de qualidade e com fator de proteção. Assim, você terá a certeza de que as estruturas ficarão intactas.

problemas de visão

Diminua o uso de aparelhos eletrônicos

No mundo moderno, muitos problemas de visão são causados pelo uso excessivo da tecnologia. Ficar com grudado na tela da TV, do celular ou do computador gera dificuldades como a síndrome dos olhos secos e até a presbiopia.

O uso controlado dos aparelhos é o melhor jeito de se prevenir quanto aos possíveis quadros. Limite a exposição a essas telas eletrônicas e faça pequenas pausas durante o uso. Desse modo, suas estruturas oculares ficarão lubrificados e sofrerão menos com a incidência dos raios luminosos.

Evite o contato dos olhos com corpos estranhos

Além de tudo, é essencial impedir que a região entre em contato com elementos estranhos ao organismo. Coçar a região com as mãos sujas pode levar bactérias e vírus que geram a conjuntivite, por exemplo. Já o excesso de maquiagem aumenta os riscos de alergias e de lesões.

Mesmo se a mão estiver limpa, inclusive, é recomendado não coçar os olhos. Tal hábito poderá deformar a córnea e até ampliar a propensão a degenerações, como o ceratocone. Então, mantenha os olhos protegidos e isolados contra qualquer corpo estranho.

Vá ao oftalmologista com frequência

Ao longo da vida, é comum sentir alguns incômodos na visão. Nesses casos, muita gente recorre à automedicação, mas essa é uma ação muito perigosa. Em vez disso, o melhor é visitar um oftalmologista com frequência, pois ele poderá dizer quais as melhores formas de lidar com problemas de visão.

Para piorar, muitos quadros são assintomáticos e só são percebidos quando já geraram perda de acuidade visual. Ao frequentar um especialista, é possível realizar o acompanhamento e o diagnóstico precoce. Além de aumentar as chances de sucesso do tratamento, é uma forma de se proteger contra o surgimento de outras situações.

Os problemas de visão da fase adulta merecem atenção redobrada, já que afetam a qualidade de vida. Ao seguir essas orientações, você se prevenirá contra esses quadros e terá um sentido muito melhor!

Já sofre ou sofreu com alguma dificuldade ocular na vida adulta? Compartilhe suas experiências nos comentários!

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×